terça-feira, 12 de maio de 2009

Mudar ou não de pediatra!?????

O Pediatra do meu filho, era o pediatra da família... mas depois que minha sobrinha teve Pneumonia e ele nem deu as caras no hospital para acompanhar, me deixou meio insegura... ai fiquei sabendo de mais duas pisadas de bola dele com conhecidos... a verdade, é que ele na hora da emergência deixa a desejar... porém sempre foi muito atencioso, o Gui nunca chorou nas consultas, sempre acertou tudo com ele... eu não queria mudar... mas ai fica aquela preocupação... e se um dia o bicho pegar????? affffffffffffff minha cabeça tá um nó!!!!!
Hoje levei ele num novo pediatra, também conhecido na cidade, gostei dele, mas ainda gosto mais do outro... cada um com um procedimento diferente, e eu cada vez mais na dúvida do que fazer...
Bom tenho um mês para pensar... vai ser dificil... pensei em levar nos dois... mas ai, cada um vai alar uma coisa e eu vou ficar cada vez mais doida... rs

13 comentários:

Daphne disse...

AMiga, eu conheço o seu pediatra! Ele foi meu e de meus 3 irmaos! Eu so tenho é coisa boa para falar dele, viu? E, olha, indiquei para uma amiga que è bem rigida com seus 2 filhos e, ela adora ele, inclusive o segundo filho teve problema de saude e foi internado e, ele foi todos os dias là, ela no meio tempo, assustada com a virose, deu ate carnaval com ele, mas depois de conversar TUDO, ela disse para mim:"a melhor coisa que voce ja fez por mim foi ter me indicado esse pediatra, amo ele!", entao, meu conselho é que voce continue rs!Nao sei se te confundi mais ainda..se vc estiver insegura ou achar que ele è do tipo "jogadao", tente tbm com esse novo..sabe o que acho?Ele nao faz muito drama para certas doenças e pode dar impressao de "nao estar nem ai", de qq forma, se quiser, nos falamos melhor por email:
dade_1977@hotmail.com
bjs

Bosque das Fadas disse...

Olá Pati:)

O Gonçalo já tá melhor obrigada por perguntares, foi só mesmo no domingo, não sei o q terá sido...
Na escolha do pediatra ouve teu coração, mãe tem sexto sentido mt apurado;), é uma escolha dificil, boa sorte, espero que faças a escolha mais acertada, porque um bom pediatra ñ é só quando está td bem c/ o bebé.

Beijinhos,
Xana

Maria José disse...

è uma decisão que só tu podes fazer, mas eu mudada afinal podes sempre voltar ao antigo
bjokas

Mamãe Nathi disse...

Difícil, Pati...
Mas pense bem!
E acho que não há nada de mal em consultar sempre uma segunda opção.
Bjs***

Adriana disse...

Olha...acho que vc deve levar no pediatra que mais confia.
O pediatra da minha filha tb não faz acompanhamento em hospitais, é comum os acompanhamentos médicos em hospitais por especialistas, por exemplo pediatra cardiologista, pediatra pneumologista...se ele for simplesmente pediatra em clinica geral dificilmente eles vão ao hospital acompanhar. Ai, ficou confuso né?
bjs

Márcia disse...

Oi Paty.
Olha a esse respeito sou da seguinte opinião: se vc ficou insegura em algum momento é melhor mudar. aconteceu comigo em Portugal o seguinte: DE inicio o Tiago estava sendo acompanhado pelo pediatra neonatal que acompanhou o parto e gostava muito muito dele e da maneira como lidava com as coisas sem neuras. Um dia quando chegamos para uma consulta, simplesmente disseram que nao havia nenhuma consulta marcado para o Tiago, mas como nos tinhamos acabado de voltar do Brasil e ele estava com muita tosse queria que pelo menos entre uma consulta e outra (ja que erraram na marcação) ele pelo menos escutasse o peito do Tiago para ver se não tinha nada mais grave.Isso era 10 h da manha, sabe o que ele mandou dizer? que se queriamos que ele escutasse o peito dele era para voltarmos as 19h. Acredita nisso? um erro deles e quem paga foi nós? A partir desse episodio troquei na hora e pesquisando nuns forum em Portugal descobri o actual pediatra que adoro e que tem a maior prestabilidade para qualquer coisa. nos da o telefone celular para que em qualquer duvida (qualquer mesmo!!) é so passarmos mensagem que ele reesponde loguinho e se for o caso mais serio ele pede para que nos encontremos com ele em um dos consultorio que ele da consulta ou então no hospital q ele atende.POr isso Paty, acho que a prestabilidade nos casos de urgencia prefiro ter a segurança que ele vai estar lá.
bjk e boa sorte

Gisele disse...

Olá minha querida.
Também estou com o mesmo problema e a mesma dúvida. A pediatra do Nícolas é uma graça, mas não dá plantão em hospitais e não consigo falar nunca com ela ao celular, tento que no aniversário dele, ele estava bem doentinho e a mãe da Giovana me indicou a unimed e eu o levei, embora já tivesse levado algumas vezes. A única coisa que me prendia à pediatra é que é ela quem aplica as vacinas. Mas agora, como ele não toma mais...
Estou numa dúvida cruel também, mas fazer o que????
Boa sorte e qualquer coisa me indique o novo pediatra please.
Beijoks!!!

Gisele disse...

Olá minha querida.
Também estou com o mesmo problema e a mesma dúvida. A pediatra do Nícolas é uma graça, mas não dá plantão em hospitais e não consigo falar nunca com ela ao celular, tento que no aniversário dele, ele estava bem doentinho e a mãe da Giovana me indicou a unimed e eu o levei, embora já tivesse levado algumas vezes. A única coisa que me prendia à pediatra é que é ela quem aplica as vacinas. Mas agora, como ele não toma mais...
Estou numa dúvida cruel também, mas fazer o que????
Boa sorte e qualquer coisa me indique o novo pediatra please.
Beijoks!!!

Dona Pimenta disse...

OI Paty!
Essa é uma situação que nós, realmente, ficamos com muito medo; afinal, errar n aopção pode signifcar colocar nosso baby em risco. Eu acho que pediatra tem que estar disponível nos piores momentos. A acessibilidade a ele tem que ser total, de nada adianta ter um médico bom, enquanto tudo está bem. De qualquer forma, acho que vc poderia ser bem honesta com ele e relatar a tua dúvida. Perguntar se é a conduta normal dele não comparecer em hospitais quando um paciente seu está internado. E se em caso de emergência vc pode ter a tranquilidade de que ele estará a tua disposição ou deixará um colega de igual nível para atendimento. Não é uma conversa muito legal, mas é melhor do que deixar pra sentir na pele. Vou rezar pra que os anjinhos do Gui te indiquem o melhor caminho.
Bjs Pimenta

Geovana disse...

oi querida ba isso é dificil, porque as vezes eles erram com algumas crianças e com outras eles acertam, o do Henrique era maravilhoso, eu nao tinha queixa, mas soube que ele errou com uma vizinha minha...o que que eu vou te dizer, não sei...

Mas coisa linda que o Guilherme, nossa como ta grande e fofo parabens pelo filhote lindo...bjs!!

Mamãe Orgulhosa!!! disse...

Bom aqui a concepção de pediatra / obstreta é completamente diferente do Brasil.
Aqui não existe comprometimento entre paciente e médico. No inicio isso me assustava muito, mas com o tempo comecei a entender melhor, e sabe que eu acho bom isso? Assim diminue o risco de erro médico eu acho! Uma vez que se passa por vários profissionais.
Quando se passa mal, é pra ir na emergência ou ligar pro 15 em casos graves.
Afinal médico também tem direito a vida privada, né? Já pensou ser esposa de um médico muito cogitado?? hehhehe

*Anita* disse...

Tem decisões muito dificeis de tomar. Ás vezes os medicos na primeira consulta nunca parecem "os ideais" pq vamos muiiiiiito atentas :) Tão atentas que em tudo colocamos defeito lol O importante além do filhote se sentir bem, é que o pedi seja um profissional... o que pelos vistos nao acontece com o outro... Tu é que sabes mas acho que qd menos esperares, vais saber por qual te decidires. Afinal as nossas decisões mais complicadas, sao decididas no silencio da nossa mente :) Qt ao LA, a minha princesa foi uma guerra amiga... Era choro, era birras, era ela e eu a chorar, enfim... Mas acabou por pegar. Numa das vezes meti 2 medidas de papa. No biberon seguinte meti so uma... E nos restantes nao meti mais... Foi so para enganar e ela lá pegou... E olha que ela de repente deixou de ter a maminha dela, começou com o LA e com as papas... Foi muito dificil... Mas com calma e persistencia, tudo vai lá ;)
Beijo

Patche disse...

tem selinho pra vc lá no meu blog.. bjos